top of page

Características da superdotação: saiba quais são as principais

Atualizado: 28 de mai.



duas crianças sentadas estudando sobre uma lousa com fórmulas matemáticas com características da superdotação

Você sabia que existem características da superdotação? Você não precisa fazer teste psicológico para saber se é ou não superdotado. É possível apenas olhar para si e buscar entender seu modo de funcionar a fim de descobrir se possui as características da superdotação.


É claro que, para além das características da superdotação, você pode realizar um teste psicológico de QI, apenas com psicólogo capacitado e que possua o teste para aplicar, para que você tenha certeza sobre isso. No entanto, isso á apenas a título de curiosidade, porque superdotação não diz respeito apenas sobre inteligência e eu vou te explicar por quê.


Tipos de inteligência


A principal resposta são os tipos de inteligência. Estudos mais recentes a respeito da superdotação evidenciam que a superdotação não é sinônimo de genialidade. Muito pelo contrário! Geralmente, os gênios são pessoas que podem ter um TEA (Transtorno do Espectro Autista), do tipo Asperger, e então ser tipo um Einstein.


A teoria das inteligências múltiplas de Howard Gardner, descreve que existem, pelo menos, 9 tipos de inteligência, compondo as características da superdotação de maneira isolada ou conjunta. Ou seja, não é necessário ter todas elas juntas para ser um superdotado. São elas:


  1. Linguística: capacidade de linguagem, fala, escrita e expressão de uma pessoa;

  2. Lógico-matemática: capacidade de um indivíduo de lidar com raciocínio lógico e operações envolvendo números;

  3. Espacial: capacidade de entender espaços e perspectivas;

  4. Corporal-cinestésica: está diretamente associada ao corpo. São pessoas que conseguem ter um desenvolvimento motor mais efetivo, o que inclui coordenação motora e capacidade física;

  5. Interpessoal: capacidade que um indivíduo tem de se relacionar com os demais;

  6. Intrapessoal: indivíduos que têm facilidade de compreender suas emoções, necessidades, valores e motivações;

  7. Naturalística: capacidade de uma pessoa de se conectar com a natureza;

  8. Musical: aptidão de uma pessoa para reconhecer notas musicais, tons e sons de quaisquer instrumentos;

  9. Existencial: capacidade de articular pensamentos filosóficos, questionamentos existenciais, espirituais, éticos e religiosos.


Hoje, já se fala em 12 tipos de inteligência com o avanço dos estudos, sendo incluídas: a inteligência emocional; Inteligência colaborativa; e Inteligência criativa.


Definição de superdotação


Há muitos estudos que apontam a definição de superdotação com uma série de características da superdotação que contemplam o hiperfoco em uma área específica de alto domínio. Ou seja, basta a pessoa ser muito boa naquela área de sua preferência, com suas habilidades e facilidades para desenvolver determinada atividade, tendo por base também os tipos de inteligência já mencionados acima.


Dessa forma, já caiu por terra a afirmação errônea de que você precisa ser bom em tudo para se caracterizar como um superdotado (ou uma pessoa com altas habilidades). Isso é um tabu.


A superdotação é caracterizada pelo desenvolvimento de uma habilidade significativamente superior a da média da população em alguma das áreas do conhecimento, podendo se destacar em atividades como: acadêmicas, criativas, de liderança, artísticas, psicomotoras ou de motivação.


Ou seja, você pode ser um superdotado com uma facilidade de programar na área de TI; na arte (teatro, dança, música ou literatura) sendo um expert em compor, escrevendo ou musicando, e por aí vai. Não há limites. O que existem são as características da superdotação, comuns a quaisquer pessoas com altas habilidades.


Saiba quais são as características da superdotação


Está curioso (a) para descobrir quais as características da superdotação? Então, lá vão algumas para sua degustação e autodescoberta a fim de checar se você se encaixa, independente se é adulto ou criança:


  1. Se existe uma situação problema para resolver, você já pensa em várias possibilidades de solução;

  2. Você consegue se concentrar por um longo período naquilo que te interessa e não quer ser perturbado (a) por outra pessoa;

  3. Pode ter o hábito de estabelecer padrões elevados para si mesmo (a);

  4. Pode ser perfeccionista;

  5. Faz conexões (ou associações) de ideias e situações com facilidade, quase que o tempo todo em suas interações com pessoas nos mais variados temas;

  6. Possui uma criatividade bem desenvolvida;

  7. É uma pessoa muito sensível;

  8. Você possui fortes convicções éticas;

  9. Existe uma alta energia quando está bem (vitalidade);

  10. É uma pessoa observadora, captando detalhes que geralmente passam despercebidos pelos outros;

  11. Você costuma questionar e sofrer com as injustiças;

  12. Geralmente se sente sobrecarregado (a) por ter muitos interesses;

  13. Você pode buscar por um sentido na sua vida;

  14. Muitas vezes, você se sente dessincronizada com as outras pessoas em seus espaços sociais de convívio, ou incompreendido (a);

  15. Você costuma necessitar de desafios que te façam aprimorar seus conhecimentos e habilidades.


Geralmente, se a pessoa responde sim para todas as questões acima, ou à maioria, pode se considerar uma pessoa superdotada ou com altas habilidades. Porém, de forma mais resumida, podemos sintetizar as características da superdotação da seguinte forma:


  • Curiosidade aguçada;

  • Alto repertório de vocabulário;

  • Perfil de líder;

  • Autoconfiança;

  • Interesses específicos e especial dedicação a eles;

  • Alfabetização precoce;

  • Criatividade;

  • Ótima memória;

  • Facilidade de aprendizagem;

  • Excelente desempenho em um ou mais componentes em relação aos seus pares;

  • Realização de observações;

  • Conhecimentos específicos que não foram ensinados por outrem, como outro idioma, nome de diferentes países do mundo (autodidatismo);

  • Estilo próprio para a resolução de situações problemas;

  • Persistência a fim de atingir um objetivo.


Características pessoais


Caso em suas características pessoais você não tenha respondido sim à maioria das características da superdotação, lembre-se dos diversos tipo de inteligência e busque utilizá-los a seu favor no seu dia a dia.


E se você se reconhece nas características da superdotação, observe quais são suas maiores dificuldades: pense nas interações sociais e busque por ambientes em que você possa melhor utilizar sua inteligência pra criar e gerar trocas afetivas positivas.


Se você se sente deslocado e/ou incompreendido na maior parte das vezes, entre em contato comigo:


Psicóloga Michelly A. Ribeiro

CRP-08/27324

(45)99131-3177


22 visualizações0 comentário

Comentarios


bottom of page